top of page
  • Foto do escritorBLOG Dr. GUILHERME RICCI

Como proteger os idosos de quedas?


De acordo como Ministério da Saúde, as quedas são responsáveis por mais de 61% das admissões de idosos em pronto-socorro. Avalia-se que um em cada três indivíduos com mais de 65 anos sofrerá pelo menos uma queda ao longo da vida.


As quedas estão associadas à osteoporose, redução da capacidade visual, diminuição da musculatura, redução da capacidade de absorção do impacto e reflexos de defesa diminuídos. Além de tontura, lesões do sistema nervoso, distúrbios do equilíbrio e da marcha e doenças do aparelho locomotor.


Simples cuidados e adaptações poderão diminuir o risco de quedas:

- Realizar exames para avaliação de possíveis doenças nos ossos;

- Repor cálcio, vitamina D e mudar a alimentação para fortalecimento da parte óssea;

- Para evitar quedas durante o banho, usar tapetes emborrachados antiderrapantes e manter uma boa iluminação;

- Instalar barras de apoio laterais no banheiro e aumentar a altura do assento sanitário;

- Eliminar tudo aquilo que possa ser obstáculo ou provocar escorregões dentro de casa, como fios, tapetes e outros objetos;

- No quarto, usar tapetes fixos no chão;

- Orientar o uso de sapatos com solado antiderrapante;

- Ajustar a altura da cama e ter um abajur ou interruptor de luz próximo à pessoa;

- Dormir em uma cama na qual se consiga subir e descer facilmente (cerca de 55 a 65 cm);

- Não sentar em cadeira ou sofá muito baixo, porque o grau de dificuldade exigido para se levantar é maior.


O que fazer em casos de queda?


Busque ajuda com o SAMU (192), informando o ocorrido e as informações médicas do idoso com detalhes. Enquanto os profissionais não chegam, tente mantê-lo calmo e imóvel. Se houver sangramento, é importante cobrir e comprimir o erimento com um pano limpo.

コメント


bottom of page